Poesia – Coração de Poeta – sensibilidade nas frases de Gerson Camargo

Show – Moscas de Bar é a atração neste sábado no Sesc Morada dos Baís
02/03/2018
Crítica – Moscas de Bar pousou no coração do público relembrando Raulzito
02/07/2018

Poesia – Coração de Poeta – sensibilidade nas frases de Gerson Camargo

O Espaço da poesia do Blog do Alex Fraga está mais uma vez com a poesia de Gerson Camargo. Desta vez o poema “Coração de Poeta”. Muita sensibilidade nas palavras.

 

CORAÇÃO DE POETA

(Gerson Camargo)

 

Meu coração é de poeta

Que se encanta com um beija flor,

Tem na poesia a sua meta,

Fazendo versos de amor.

 

No canto da cigarra,

Eu vejo uma linda canção,

Que me liberta das amarras,

E alegra o meu coração.

 

Fico encantado com a natureza,

Pois assim Deus me criou,

Aos meus olhos tanta beleza,

Que a vida me proporcionou.

 

Sou simples como um passarinho,

A simplicidade é o meu viver,

Assim eu percorro os caminhos,

Com quem eu fiz meu bem querer.

 

Eu deixo a vida me levar,

E essa é a vida que levo,

Como a cigarra sempre a cantar,

Nos versos da poesia eu me entrego.

 

Vejo tudo tão natural,

Eu sou assim e não mudo,

Acho tudo tão normal

Pois o simples resolve tudo.

 

(Gerson Camargo)

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *